Seguro auto guincho: como funciona?

As estradas brasileiras oferecem riscos que às vezes não conseguimos nem imaginar. E com tantos riscos, é preciso ter muita responsabilidade, o que exige a necessidade de contar com um seguro para o veículo, não é mesmo?

O seguro de autos é uma maneira de amparo em caso de qualquer evento, seja uma pane elétrica ou colisão. Nesse sentido, o condutor necessitará dos serviços do guincho, mas é preciso checar os serviços oferecidos pelo seguro de carro para contar com o guincheiro em momentos inesperados. Contudo, muitos condutores ainda têm dúvida sobre quais os serviços devem ser oferecidos pelas seguradoras. Por esse motivo, falaremos sobre esse assunto hoje. Confira:
 

Importância do seguro

Devemos deixar claro que os seguros de auto são importantes para todo os tipos de veículos. Isso porque o papel do seguro é proteger o condutor e os passageiros em vários tipos de situações desagradáveis.

Com o seguro é possível evitar dores de cabeça e ser amparado em diversas situações, assim como ter segurança financeira. Um exemplo de uma dor de cabeça sem o seguro é a manutenção corretiva, que é realizada em casos de urgência em que algumas peças do veículo param de funcionar. Esse tipo de manutenção pode se tornar uma tragédia, economicamente falando.

Existem diversos tipos de cobertura que podem ser incluídas no seguro, como por exemplo a cobertura para danos a terceiros. Há também o chamado seguro auto guincho, que pode ser contratado de duas formas. A seguir, falaremos mais sobre o seguro auto guincho, que é essencial e não deve ser deixado de lado. Veja só!

Em quais situações o seguro auto guincho poderá ajudar?

Os serviços do guincho podem acudir você em várias situações, como:

  • na falta de combustível;
  • colisão;
  • pneu furado;
  • panes mecânicas ou elétricas;
  • atolamento;
  • e outros.


Como funciona o seguro auto guincho?

Praticamente todos os condutores já precisaram dos serviços de guinchos em algum momento da vida, não é mesmo? Até porque são vários os riscos que um veículo pode encontrar, como pneu furado e panes. É então que o guincho entra em cena, mas muitas pessoas ainda não sabem que esse serviço geralmente está incluso nas coberturas de auto. E mais: guincheiros atendem 24 horas por dia!

Caso o serviço de guincho não esteja incluso na cobertura inicial, é possível contratar como um extra. Verificar esse tipo de informação poupa qualquer motorista de uma grande dor de cabeça na hora do aperto.


Como utilizar o seguro auto guincho?

Agora que o guincho está incluído no seu pacote, basta solicitar o serviço pelo telefone. É bom lembrar que algumas seguradoras possuem aplicativos próprios, o que possibilita na solicitação do serviço, que pode ser feito online. Caso o segurado seja responsável por um acidente que cause prejuízos a terceiros, o guincho pode ajudar. 

É importante lembrar que contratar apenas o seguro auto guincho sem o seguro auto pode sair bem mais caro que obter uma apólice completa. Na hora de proteger você e o seu veículo, é importante pensar nisso.

Quantas vezes posso utilizar os serviços do guincho?

Tudo dependerá do contrato, e de cada seguradora. Isso porque algumas empresas oferecem acionamentos ilimitados, já outras deixam claro que há limitações. Para saber quantas vezes você pode utilizar os serviços do guincho, basta buscar as informações na apólice. Geralmente as modalidades são chamadas de cobertura por período de vigência e cobertura por evento.

Além disso, quais os tipos de cobertura de seguro?

Além do seguro auto guincho, as seguradoras oferecem outras coberturas, confira:

  • Em caso de fenômenos climáticos

Os reparos após chuvas fortes e outras danos causados pela natureza, como enchentes, granizo, deslizamentos, e outros também podem ser incluídos na sua apólice. Nesse caso, o custeamento de reparos já deve estar incluso.

  • Roubos e incêndios

A cobertura do seguro em caso de roubos são os mais tradicionais, pois são os mais comuns. Nesse caso essa apólice é conhecida como apólice compreensiva, e garante o amparo da frota do veículo. Porém, vale lembrar que uma empresa pode contratar um seguro total, de forma que todas as coberturas estão inclusas no contrato. A partir disso, é necessário reconhecer a sua necessidade.

Geralmente, como as apólices são calculadas?

Toda seguradora tem um cálculo como base para a cobrança da apólice. Essa matemática é necessária para avaliar o grau de risco em cada contrato. Nesse contexto, a matemática baseia-se em alguns critérios. São eles:

  • sexo;
  • idade;
  • histórico de incidentes;
  • equipamentos extras instalados;
  • tipos de coberturas necessárias;
  • valor do veículo;
  • e outros.


É possível economizar

Tudo está ligado ao tipo de cobertura que você for escolher. Por isso é importante fazer uma combinação de cobertura que atenda suas necessidades. Adicionalmente, faça uma cotação em várias empresas. Isso ajuda a ter uma noção do que caberá no bolso do seu negócio, o que já ajuda na gestão financeira.

Além disso, deve-se ter cuidado ao renovar um contrato. Nem sempre a renovação ocorre de forma automática ou que sempre valerá a pena renovar com a mesma seguradora. Se prepare para realizar cotações com outras empresas antes do fim do seu seguro atual.

Gostou de saber da importância do seguro auto guincho e quer conhecer mais sobre a Infornet e ter acesso a mais conteúdos como esse? Então nos acompanhe nas redes sociais:

Até a próxima!

2 respostas

    1. Olá José, tudo bem? Agradecemos o contato, mas a Infornet não trabalha com seguro. Somos uma empresa que oferece sistemas para facilitar a gestão de assistências 24 horas veicular, prestadores de serviço (como guincheiros e chaveiros), clube de benefícios e outros. Indicamos procurar uma seguradora ou associação de proteção veicular da sua região para olhar a respeito de contratação. Grande abraço!

      Att. Equipe Infornet

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *